Goiás anuncia autorização para concurso com 1000 vagas de agente penitenciário

O Estado pretende ampliar a equipe de segurança nos presídios goianos por meio de um novo concurso público

16/02/2018 - 21:19 hs
Foto: (reprodução)
Goiás anuncia autorização para concurso com 1000 vagas de agente penitenciário
Governador Marconi Perillo

Fernanda Buffon Alves de Souza, filha do ex-prefeito de Araucária, Rui Sergio Alves de Souza, pediu a nomeação do namorado dela em um cargo comissionado para financiar um apartamento e "poder colocar as contas em dia", conforme sentença da Justiça do Paraná. Veja na imagem acima.

O Governador Marconi Perillo, de Goiás, anunciou que o Estado vai ampliar a equipe de segurança nos presídios goianos por meio de um novo concurso público. Foram autorizadas 1000 vagas para agente penitenciário. 

Segundo a Secretaria de Gestão e Planejamento de Goiás (Segplan) o edital depende do trâmite normal para a contratação da empresa que será responsável e ainda não há mais informações sobre salários e datas.

Para concorrer ao cargo é preciso ter diploma de nível superior em qualquer área de formação, fornecido por instituilção reconhecida pelo Ministério da Educação. 

O último concurso público para agentes penitenciários foi realizado em 2016 e contratou 280 profissionais. 

Outras chances em Goiás

O Conselho Regional de Medicina Veterinária de Goiás (CRMV/GO) está recebendo inscrições para 100 oportunidades, sendo cinco vagas imediatas e o restante para formação de cadastro reserva.

Quem tem nível médio pode concorrer aos cargos de auxiliar administrativo e agente fiscal, com salários de R$ 2.851,34 e R$ 4.008,14, respectivamente. Para nível médio/técnico, o posto é o de auxiliar técnico de informática, que recebe remuneração de R$ 2.851,34. 

A inscrição custa R$ 65 e pode ser feita pelo site do Instituto Quadrix de Tecnologia e Responsabilidade Social, que é a empresa organizadora do certame. As participações seguem abertas até 12 de março, pelo site www.quadrix.org.br