Casagrande sobre comentário de Neymar pai:

Durante o "Troca de Passes", comentarista disse não ter lido resposta do pai do craque a uma opinião sua, e explica: "O mimado que falei é dentro de campo. Nunca falei que ele não é sério"

17/02/2018 - 12:12 hs
Foto: (AP Photo/Paul White)
Casagrande sobre comentário de Neymar pai:
Neymar foi critica pela imprensa europeia após derrota para o Real Madrid pela Liga dos Campeões

Casagrande voltou a falar sobre Neymar após o pai do craque rebater uma opinião do comentarista, que chamou o atacante de mimado. Durante o "Troca de Passes" desta sexta-feira, Casão disse que não leu o comentário de Neymar pai e que também não há uma perseguição ao jogador do PSG e da seleção brasileira.

- Meu trabalho é honesto, sou imparcial, não persigo ninguém. Não falei nada demais, falei aquilo que eu penso e as pessoas podem pensar diferente. Não li nada (sobre comentário do Neymar pai). Estou com 55 anos e só faço coisas que me deixa feliz, não vou em busca da tristeza. Críticas tanto positivas quanto negativas eu já afastei da minha vida, porque é inevitável que você fique chateado com uma crítica negativa.

Casagrande explicou o comentário desta semana em que chama Neymar de mimado. Ele disse se referir ao comportamento do craque dentro de campo e não ao que ele faz fora dos gramados.

- Não falei nada sobre o comportamento dele fora de campo. Nem me importo com o que ele faz fora de campo. Eu fiz várias coisas. O mimado que falei é dentro de campo. Nunca falei que ele não é sério, que não treina. Não fiz uma crítica ao comportamento como profissional. Não critiquei sua forma física. O comportamento mimado dentro de campo é muito claro. Quando recebe falta dá risadinha. Quando comete, não aceita. Levou um cartão amarelo contra o Real em 15 minutos de jogo. Nenhum atacante levou.

Neymar também foi critica pela imprensa europeia após derrota para o Real Madrid pela Liga dos Campeões (Foto: AP Photo/Paul White)

Para o comentarista, alguém deve chamar a atenção de Neymar para situações como essa, inclusive o próprio técnico da seleção brasileira, Tite, poderia conversar com ele.

- O que acho é que ele tem que tomar cuidado e que alguém deva conversar com ele sobre isso. Dentro de campo ele se irrita muito quando sofre falta, quando comete falta. Na Copa do Mundo, árbitro não suporta risadinha irônica.

O apresentador do "Troca de Passes", Roger Flores, saiu em defesa do comentário de Casagrande.

- O mais importante é essa pureza da maneira como você impõe sua opinião. Você é pago para isso. Você tem que dar sua opinião. (Com conteúdo do globoesportv).