Papa critica uso de celular por fiéis e religiosos em missas

Papa critica uso de celular por fiéis e religiosos em missas

"Em determinado momento, o sacerdote diz 'corações ao alto' e não 'celulares ao alto para tirar foto!'", declarou o pontífice

09/11/2017 - 13:09 hs
Foto: (Tiziana Fabi/AFP)
Papa critica uso de celular por fiéis e religiosos em missas
Papa Francisco celebra missa no Dia de Finados antes de uma visita ao monumento Fosse Ardeatine

Celulares são motivo de tristeza para o papa Francisco quando usados para fazer fotos durante a missa. O pontífice fez a revelação nesta quarta-feira durante sua audiência geral, na Praça São Pedro, no Vaticano, e disse ficar desapontado quando vê fiéis registrando as celebrações no telefone.

“Em determinado momento, o sacerdote diz ‘corações ao alto’ e não ‘celulares ao alto para tirar foto!'”, declarou o papa enquanto falava da importância de determinados aspectos da Igreja. A atitude, a qual ele julgou ser “muito feia”, é replicada “não só por fiéis, mas também por sacerdotes e até bispos”, apontou o pontífice.

“A missa não é espetáculo, mas sim ir ao encontro da paixão e ressurreição do Senhor. Lembrem-se: chega de celulares”, alertou o papa Francisco, que começou hoje um novo ciclo de catequese dedicado à celebração eucarística. Ele convidou o público presente na Praça de São Pedro a “crescer no conhecimento do grande dom que Deus nos doou na eucaristia”.

O pontífice, informa a rede BBC, nunca foi visto em público com um celular em mãos desde que foi escolhido para a posição. Por outro lado, Francisco é um usuário ativo de redes sociais, com mais de 14 milhões de seguidores no Twitter, e frequentemente posa para selfies ao lado de fiéis. Isso não quer dizer que ele seja um entusiasta de celulares: no começo do ano, recomendou que os jovens trocassem os seus aparelhos por bíblias. (com EFE).